20 de julho 2020

Colesterol alto e os riscos para a saúde

O colesterol é necessário para o bom funcionamento do corpo. Ele é um tipo de gordura que faz parte da estrutura das células do cérebro, nervos, músculos, pele, fígado, intestino e coração. O HDL é o chamado “colesterol bom” e o LDL “colesterol ruim”. É o excesso de LDL que está associado ao infarto e ao acidente vascular cerebral.

O colesterol ruim forma placas nas paredes dos vasos sem dar pistas. Você pode viver por muito tempo acumulando esse tipo de gordura sem nenhuma sintoma. Por isso é tão importante o checkup vascular anual e controlar os fatores de riscos.

Ter um estilo de vida saudável é ter boas taxas de glicose, a pressão controlada, não fumar e não mudar muito de peso.

Você quer uma vida longa e saudável? Não negligencie os cuidados com o seu corpo. Agende sua consulta na Angiolaser. Ligue: 77 99956-0651

________________________________________________________________________________________________

3 de julho 2020

Dermatite Ocre: estou enferrujando?

Parece brincadeira, mas muitos adultos, ao se depararem com uma área amarronzada na perna não pensam “vou buscar ajuda médica”. O problema se alastra e pode ser de difícil reversão. A dermatite ocre está associada às varizes e é uma inflamação na pele que tem como causa principal a hipertensão venosa. As veias dilatadas fazem com que o sangue saia do vaso e o organismo entende se tratar de um “corpo estranho” e reage. Essa “briga” interna não há cura e o tratamento conduzido pelo cirurgião vascular irá controlar os sintomas.

Não espere problemas de saúde piorarem. A prevenção é SEMPRE o melhor remédio.

Agende sua consulta na Angiolaser. Ligue: 77 99956-0651

________________________________________________________________________________________________

 

15 de junho 2020

Inverno pede atenção redobrada com a saúde vascular

Você sabia que as temperaturas mais frias aumenta o risco de uma pessoa desenvolver doenças no sistema circulatório? Isso acontece por conta da vasoconstrição que reduz o fluxo sanguíneo necessário para a nutrição e oxigenação dos músculos, pernas e pés. Fique atento aos sintomas repetidos de formigamento nos membros inferiores, falta de sensibilidade e dedos roxos. Isso pode significar uma importante alteração circulatória.

________________________________________________________________________________________________

 

01 de junho 2020

Tratamento de varizes praticamente indolor com analgesia ANOX

O seu tratamento de varizes na Angiolaser conta com a técnica ANOX, que reduz a dor e a ansiedade do paciente durante o procedimento.

A máscara leva o oxigênio e óxido nitroso, um gás menos conhecido, também presente na atmosfera. Ele é utilizado como analgésico em vários segmentos da medicina e odontologia.

O paciente fica consciente, em pleno domínio de suas funções. A técnica proporciona sensação de bem estar e relaxamento, permitindo um tratamento de varizes mais confortável e seguro.

Qualquer pessoa pode utilizar o ANOX. Inclusive, ele é altamente indicado para quem tem doenças pré-existentes no coração, hipertensão ou crise asmática.

Quer um tratamento de varizes de excelência, com o que há de mais moderno em procedimento e tecnologia? Visite a Angiolaser. Ligue: 77 99956-0651

________________________________________________________________________________________________

 

14 de maio 2020

Na Angiolaser, você pode (e deve) cuidar das suas varizes durante a pandemia

O período de temperaturas amenas é o mais adequado para tratar as varizes. Não é uma questão puramente estética. Com o tempo e/ou condições genéticas, a circulação do sangue fica prejudicada e só um especialista vascular poderá fazer a avaliação correta e o procedimento adequado para seus vasinhos e varizes.

Na Angiolaser você conta com segurança para fazer o seu procedimento e o que há de mais moderno em processo e tecnologia.

Não deixe agravar o problema. Marque sua consulta com o Dr. Bruno Rosa, nosso médico e cirugião vascular. Ligue: 77 99956-0651

________________________________________________________________________________________________

 

22 de abril 2020

Cuidado com a trombose venosa na quarentena

Passar muito tempo na mesma posição é um perigo para a saúde e aumenta consideravelmente o risco de trombose.

O recado da Angiolaser é para todos, mas em especial para as pessoas na terceira idade: nada de ficar horas deitado ou sentado em casa. Movimente-se!

Nesse período de isolamento, lembre-se que o ideal é não ter nenhuma emergência médica. Algumas não podemos prever, outras devemos prevenir. Por isso, caminhe pela casa, suba e desça escadas. Até a faxina doméstica tá valendo como atividade física quando feita de forma regular.

Tudo para manter o corpo em movimento.

Fique em casa e conte com o teleatendimento da Angiolaser. Sua consulta médica especializada, sem sair de casa: 77 99956-0651

________________________________________________________________________________________________

 

6 de abril 2020

Serviços essenciais e cuidados reforçados para o atendimento

A prefeitura de Vitória da Conquista determinou o serviço médico em clínicas como essencial e por isso não pode parar. Não é para menos. Enquanto o mundo enfrenta a pandemia da Covid-19, as pessoas permanecem precisando cuidar de sua saúde, especialmente aquelas com problemas crônicos como hipertensão e diabetes.

O Centro Médico Otávio Santos, onde está a Angiolaser, tem estacionamento privado, facilitando o acesso à clínica. É preciso usar máscaras para circular no prédio, conforme determinação da prefeitura. De qualquer forma, o acessório está disponível para nosso clientes, assim como álcool em gel.

É feita uma triagem por telefone e as consultas são agendadas com espaçamento, evitando qualquer aglomeração na sala de espera.

Não deixe sua saúde para depois, agende a sua consulta: 77 99956-0651

________________________________________________________________________________________________

23 de março 2020

Coronavírus: o que você precisa fazer para prevenir o contágio:

– Lave as mãos com água e sabão ou use álcool em gel.

– Cubra o nariz e boca ao espirrar ou tossir.

– Evite aglomerações se estiver doente.

– Abra as janelas. Mantenha os ambientes bem ventilados.

– Não compartilhe objetos pessoais como toalha, copo e talheres.

Outra indicação da Angiolaser: não divulgue Fake News. Mantenha-se informado pelos meios de comunicação brasileiros e o site oficial do Ministério da Saúde: https://coronavirus.saude.gov.br/

 

________________________________________________________________________________________________

9 de março 2020

Tratamentos alternativos para varizes e vasinhos são arriscados.

Por que a maior parte da população opta por tratamentos alternativos antes de procurar por um médico?

Atenta aos riscos dos tratamentos alternativos, muitos disseminados pela internet, a Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular (SBACV) promoveu a campanha de conscientização sobre escoleroterapia.

O médico Angiologista e/ou Cirurgião Vascular é o profissional habilitado para atuar no diagnóstico e tratamento dos problemas envolvendo:
· os vasos sanguíneos das pernas, braços, tronco e pescoço
· doenças nas artérias, como aneurismas, estenose das carótidas, doença arterial obstrutiva
· doenças nas veias, como teleangectasias (vasinhos), varizes e trombose
· linfedema, que consiste em um inchaço especial dos membros
· pacientes que necessitam de cateteres para quimioterapia ou fístulas para hemodiálise

Se engana quem acredita que a escleroterapia, popularmente conhecida como aplicação, é um procedimento simples e meramente estético. Não é.

O médico Vascular estudou o sistema circulatório do corpo humano e realiza um diagnóstico detalhado da sua saúde, apontando, com segurança, a melhor técnica a ser empregada em cada caso, uma vez que os vasinhos e varizes podem ser sinais de um problema maior do que aparentam e, inclusive, requerer tratamento cirúrgico.

Hoje existem outros tratamentos para secar vasinhos e varizes além da Escleroterapia.

Escleroterapia com substância líquida – aplicação de uma injeção com produto esclerosante diretamente nas varizes.

Escleroterapia com espuma – indicada para casos específicos, consiste em aplicar uma substância, em forma de espuma densa, diretamente nas varizes, que provoca uma reação nas paredes dos vasos fechando-os.

Escleroterapia a laser – o laser trata as varizes por cauterização enquanto a escleroterapia líquida ou espuma trata por inflamação do vasinho. É realizada em associação com a escleroterapia líquida ou espuma.

Na Angiolaser você pode contar com a combinação de técnicas para ter melhores resultados.

________________________________________________________________________________________________

21 de fevereiro 2020

Um Carnaval de alegrias!

Para que o Carnaval tenha só lembranças boas, vale cuidar do corpo, a máquina que vai permitir a sua alegria.

1 – Prepare-se folião! Se vai participar de uma maratona de festas, é bom que tenha preparo físico. Outra dica fundamental: escolha sapatos confortáveis!

2 – Hidrate-se. Calor e bebida alcoólica em excesso aumentam a incidência de cãibras, dores musculares e inchaço por retenção de líquidos.

3 – Descanse. Durma bem entre uma festa e outra e coloque as pernas para cima.

Se vai viajar e ficar por um longo período na mesma posição for inevitável, lembre-se de se alongar e exercitar pernas e pés. Se existir histórico pessoal ou familiar de trombose, procure por orientação do cirurgião vascular para prevenir problemas com ajuda de medicamentos.

A Angiolaser deseja um excelente Carnaval 2020!

________________________________________________________________________________________________

 

2 de fevereiro 2020

Varizes pélvicas

Cerca de 40% das mulheres, em algum momento da vida, sofrerá com dores abdominais crônicas que podem estar relacionadas às varizes pélvicas.

Veias dilatadas que surgem ao redor do útero, trompas e ovários, dificultando o retorno do fluxo do sangue para o coração, ocasionando fortes dores abdominais. Muitas mulheres já convivem com o sintoma e devem buscar ajuda de um ginecologista para ter o diagnóstico do caso.

Fique atenta aos sintomas:

• Aumento do fluxo menstrual
• Dor durante ou depois da relação sexual
• Sensação de peso na pélvis
• Incontinência urinária
• Dores abdominais (com piora no fim do dia)

Na Angiolaser você poderá realizar o doppler, que associado a outros exames e a imprescindível consulta clínica, ajudará a fechar o diagnóstico.

Quem tem varizes pélvicas pode engravidar, mas é preciso fazer o tratamento antes. O risco é a gravidez piorar o problema e os sintomas. O médico ginecologista poderá recomendar medicamentos ou a embolização, feita pelo cirurgião vascular.

________________________________________________________________________________________________

 

20 de janeiro 2020

Quando se preocupar com as cãibras

Quem nunca foi pego de surpresa por uma contração ou formigamento nas pernas?

Cãibras ou formigamentos paralisam a gente por aqueles segundos/minutos e doem. Às vezes, muito! Esses sintomas podem ter diversos fatores como estresse e fadiga muscular, desequilíbrio dos sais minerais, problemas vasculares, medicamentos e doenças como diabetes. Apesar de ter a panturrilha como local preferencial, as repuxadas podem acontecer um várias partes do corpo.

Quando frequente ou provoca dor intensa, é hora de procurar um médico vascular. Ele poderá avaliar o seu caso para o diagnóstico preciso e sugerir métodos de prevenção e tratamento.

E no momento que a cãibra te “pegar” a tática é respirar fundo, tentar relaxar e alongar levemente a região. E se a dor voltar não hesite em procurar a Angiolaser.

 

________________________________________________________________________________________________

 

06 de janeiro 2020

Os riscos das feridas que não cicatrizam

Lesões crônicas podem levar a amputação do membro. Não negligencie.

Algumas feridas são de difícil cicatrização. Um arranhão na perna com varizes ou um pequeno ferimento no pé diabético às vezes bastam para dar início a um processo crônico, que não se resolve com o tratamento comum para feridas.

Chamadas de úlcera varicosas ou venosas acometem quem está com má circulação nas pernas. Sedentários, obesos, pessoas que passam muito tempo na mesma posição tem mais riscos. A demora em buscar por ajuda médica pode contribuir com o aumento da ferida, infecções e, no último estágio, a perda do membro.

Apenas o especialista vascular pode ajudar no processo de cicatrização de forma correta. O médico administrará o tratamento tópico da ferida, medicamentos que melhoram o retorno do sangue e orientar quanto a bandagem compressiva.

________________________________________________________________________________________________

20 de dezembro 2019

Varicocele: resolva sem cirurgia

Uma veia dilatada no escroto pode causar aos homens dor, inchaço ou infertilidade.

A varicocele é como varizes numa região sensível do corpo do homem. A presença de veias alargadas no escroto podem ser confirmadas com um exame clínico. Exames de ultrassom confirmam o diagnóstico.

A técnica de embolização resolve o problema em 90% dos casos (a mesma taxa de sucesso de cirurgias convencionais).

O benefício é que a embolização é minimamente invasiva, guiada por imagem, feita pelo cirurgião vascular com a ajuda de um cateter.  Além de aliviar os sintomas, o procedimento melhora a qualidade do esperma com segurança.

Converse com o seu médico e procure a solução para a embolização da varicocele na Angiolaser.

________________________________________________________________________________________________

4 de dezembro 2019

Síndrome do Quebra-Nozes

A compressão da veia renal esquerda pela aorta e pela artéria mesentérica superior é chamada de Síndrome de Nutcracker, em bom português, Síndrome do Quebra-nozes.

O nome não tem nada a ver com o clássico balé teatral de fim de ano. A referência é porque visualmente parece que a artéria mesentérica está esmagando a veia renal como um quebrador de nozes. Essa compressão gera um congestionamento de sangue na veia renal esquerda gerando diversos sintomas.

• Varizes pélvicas
• Sangue no xixi
• Use diariamente cremes hidratantes, sem exagerar entre os dedos
• Dores no abdome
• Varicocele (varizes no escroto)
• Proteína na urina
• Muito cansaço

Na Angiolaser você receberá o tratamento adequado para o seu caso que poderá ter indicação cirúrgica.

________________________________________________________________________________________________

18 de novembro 2019

Pé do Diabético

 

Formigamento, agulhadas, queimação e a terrível insensibilidade dos pés. A pessoa diabética precisa ficar mais atenta aos riscos da má circulação de sangue nas pernas.

Os principais sintomas são dores, especialmente na execução de um exercício físico, feridas que não curam, pés inchados, azulados e ressecados.

Por isso, é fundamental alguns cuidados como:
• Examinar diariamente os pés e ter especial cuidado com bolhas, rachaduras e ressacamentos.
• Evitar colocar os pés de molho.
• Não tentar remover calos ou verrugas sem a ajuda de um especialista em pé diabético.
• Use diariamente cremes hidratantes, sem exagerar entre os dedos.
• Nunca ande descalço. NUNCA MESMO.

A cada consulta no médico, peça para examinar os seus pés. A consequência de um problema grave é a amputação, então o melhor é não se descuidar.

 

________________________________________________________________________________________________

1 de novembro 2019

Vamos falar da saúde dos homens

 

Se você é ou conhece um homem que foge de médico, essa matéria é para você!

O checkup preventivo SALVA VIDA. No mês de novembro, as mídias falarão muito sobre o câncer de próstata. Não à toa: as estimativas apontam 68.220 novos casos em 2018, um risco estimado de 66,12 novos casos a cada 100 mil homens. 

Basta o exame de sangue PSA para avaliar o marcador tumoral – que tem como resultado normal valor menor que 4ng/ml.

Aproveite o mês para olhar mais pela saúde dos homens. Faça seu checkup vascular e preserve a sua vida e sua qualidade de vida.

________________________________________________________________________________________________

 

16 de outubro 2019

Você já ouviu falar em embolização para o tratamento de miomas?

 

 

O mais comum tumor pélvico chega atingir cerca de 40% das mulheres a partir dos 35 anos. Um drama para aquelas que tem a indicação de histerectomia (remoção de parte ou totalidade do útero) sem ter realizado o sonho da maternidade.

Mas as mulheres que desejam preservar a fertilidade, a embolização deve ser considerada como tratamento.

A embolização da artéria uterina é um método não cirúrgico altamente eficiente no tratamento de sangramento pélvico agudo e crônico.

Uma alternativa para reduzir o número de histerectomias e preservar o útero para uma futura gestação.

Se você quer saber mais sobre o procedimento agende sua consulta na Angiolaser.

________________________________________________________________________________________________

 

1 de outubro 2019

Outubro Rosa

 

 

A Angiolaser entra no mês de outubro somando forças às campanhas do Câncer de Mama. Trata-se do segundo tipo que mais acomete as brasileiras e representa cerca de 25% de todos os cânceres femininos.

A prática de atividade física e de alimentação saudável, com manutenção do peso corporal adequado, estão associadas a menor risco do desenvolvimento do câncer de mama. Aproximadamente 30% dos casos podem ser evitados quando são adotados esses hábitos. A amamentação também é considerada um fator protetor.

Os principais sinais e sintomas da doença são:
• Caroço (nódulo), geralmente endurecido, fixo e indolor.
• Pele da mama avermelhada ou parecida com casca de laranja.
• Alterações no bico do peito (mamilo) e saída espontânea de líquido de um dos mamilos.
• Pequenos nódulos no pescoço ou na região embaixo dos braços (axilas).

 

A qualquer idade, é preciso que as mulheres estejam atentas ao próprio corpo. Aquelas com idade entre 50 a 69 anos devem fazer mamografia de rastreamento a cada dois anos. O exame pode ajudar a identificar o câncer antes de a pessoa ter sintomas. Nesta faixa etária a mamografia bienal é a rotina adotada na maioria dos países que implantaram o rastreamento organizado do câncer de mama, baseado na evidência científica do benefício desta estratégia na redução da mortalidade neste grupo.

 

Como clínica vascular muito procurada pelas mulheres para tratamento de varizes e vasinhos, a Angiolaser vê Outubro Rosa para falar com mais abrangência da saúde feminina. Mantenha uma rotina saudável e não abra mão dos exames preventivos regulares. Um câncer diagnosticado precocemente tem muito mais chances de cura.

________________________________________________________________________________________________

16 de setembro 2019

O silencioso aneurisma de aorta abdominal

 

 

Ele pode passar desapercebido. Uma dor na lombar, uma sensibilidade no peito… Fato é que só exames de rotina podem perceber o aneurisma de aorta abdominal. Eles crescem lentamente e muitos nunca chegam a se romper. Outros crescem rapidamente e podem ser percebidos pelo médico por meio de uma pulsação na área intermediária ou inferior do estômago.

 

Suas causas não são claras. A protuberância da aorta pode acontecer por conta de alguma fragilidade na parede da artéria em que ocorreu entupimento ou inflamação. Mas são conhecidos os fatores de risco:

 

• Idade maior que 50 anos
• Fumantes ou com histórico de tabagismo
• Pressão arterial alta
• Colesterol alto
• Histórico familiar
• Artérias entupidas (aterosclerose)

O risco de não ter um diagnóstico precoce é que a emergência de um rompimento da aorta abdominal é gravíssima e pode ser fatal. Check-ups vascular para o grupo de risco é mandatório. Exames de imagens devem ser solicitados como ressonâncias, tomografias e ultrassom da região.

________________________________________________________________________________________________

1 de setembro de 2019

#SetembroVermelho: o mês do coração.

 

O mês de setembro foi escolhido pela Federação Mundial do Coração, com apoio das Nações Unidas, para concentrar as campanhas de conscientização, prevenção e tratamento das doenças cardiovasculares no mundo todo.

 

A Angiolaser aproveita para fazer ainda mais alertas sobre o tema!

Tratar os fatores de risco é realmente urgente no mundo de hoje. Se você for hipertenso, diabético ou se estiver acima do peso, busque por orientação médica qualificada. A partir dos 30 anos de idade começam a ser solicitados os checkups cardíacos – mas quem tem histórico familiar deve começar antes.

O checkup vascular é fundamental para quem deseja manter ou começar uma rotina saudável.

Mas independente disso, você já pode começar a caminhar por 1 hora diariamente. Isso reduz significativamente os riscos de doenças vasculares. Não fique com preguiça na hora de caminhar com o cachorro, subir escadas, limpar a casa, varrer a calçada… Tudo para eliminar o sedentarismo da sua vida.

Alimentos como abacate, aveia e azeite de oliva extra virgem, na quantidade equivalente a duas colheres de sopa por dia cada, ajudam a diminuir o colesterol ruim. O consumo diário de sal não deve ultrapassar 6 gramas; e de açúcar 25 gramas.

O consumo de bebidas alcoólicas deve ser evitado, mas conversando com os médicos da Angiolaser, eles poderão avaliar o seu caso e fazer novas recomendações, mais flexíveis ou não.

Mas o que importa mesmo é olhar para si e garantir uma vida longa e saudável. As vezes pode parecer difícil, mas não é impossível. Se esforce, de todo coração. #setembrovermelho

________________________________________________________________________________________________

3 de agosto 2019

Mantenha a saúde vascular durante a gestação.

 

 

Uma fase de grandes mudanças precisa ter atenção especial. Para desenvolver o bebê, o coração trabalha mais para garantir o sangue circulando em maior volume (um aumento de cerca de 20% já nos primeiros meses), dilatando gradativamente os vasos sanguíneos.

Além disso existe a produção de elevados níveis de hormônios, o aumento do peso e do volume do útero. Fatores que dificultam o retorno do sangue, em outras palavras, um estresse venoso.

Pernas pesadas, cansadas ou inchadas precisam ser constantemente avaliadas por um médico especialista. Os casos de varizes e até trombose aumentam durante o período gestacional.

Essas são algumas recomendações da Angiolaser para as grávidas:

  • Exercício físico de baixo impacto será um grande aliado. Caminhadas e natação, por exemplo, são os mais indicados.

  • Evite ficar sentada ou em pé por muitas horas.

  • Levante as pernas inchadas sempre que possível.

  • Beba líquidos suficientes.

  • Dispense os sapatos com saltos altos.

  • Converse com o angiologista para usar meias de compressão, que ajudam o sistema venoso.

Está grávida ou tem alguma por perto? Indique a Angiolaser para um cuidado global com a saúde da mãe. Afinal, ela é tão especial quanto o bebê que virá.

 

________________________________________________________________________________________________

 

18 de julho 2019

Escleroterapia é com o Angiologista e Cirurgião Vascular.

 

Entenda porque não é uma questão puramente estética.

 

Vasinhos e varizes nas pernas incomodam homens e mulheres. Uma doença crônica e progressiva, que pode inclusive ter complicações graves, precisa ser devidamente diagnosticada e tratada.

A escleroterapia é o nome do procedimento médico para tratar vasinhos e microvarizes. Invasivo, ele só deve ser realizado por médicos especializados em angiologia e cirurgia vascular.

Ela provoca uma reação inflamatória na veia doente que será absorvido pelo organismo. Injeções de líquido, espuma ou laser são os procedimentos possíveis de ser indicados.

Para descobrir a melhor estratégia de tratamento, o médico faz o exame clínico, solicita exames em casos graves e avalia todo o histórico do paciente.

O preço da escleroterapia varia conforme o tipo de tratamento utilizado, da extensão da área afetada e do número de sessões. Situações que precisam ser precisamente estudada e recomendada pelo médico especialista.

Os cuidados para quem está tratando das varizes são:

  1. Evitar sol.

  2. Usar protetor solar.

  3. Usar meias elásticas recomendadas pelo médico.

  4. Utilizar compressas de gelo quando recomendadas pelo médico.

  5. Aplicar cremes heparinóides recomendados pelo médico.

A pergunta mais comum dos pacientes é: escleroterapia dói? A resposta é cada caso é um caso. Na Angiolaser você conta com equipamentos com tecnologia de ponta que ajudam a diminuir os incômodos das sessões. Dr. Bruno Rosa, médico angiologista e cirurgião vascular, tem uma especial atenção para tornar o mais confortável possível para o paciente o tratamento.

Agende sua consulta na Angiolaser e conheça o tratamento mais indicado para o seu caso.

 

________________________________________________________________________________________________

 

9 de julho 2019

Laser para livrar-se de sinais vermelhos

 

 

Os hemangeomas são sinais caracterizado pelo acúmulo de vasos sanguíneos na superfície da pele. Um tipo de tumor benigno mais comum em crianças. Elas pode nascer com o sinal ou ele ser notado nas primeiras semanas de vida.

Apesar da não oferecer nenhum perigo, o hemangeoma pode causar um grande desconforto estético ou, dependendo da parte do corpo que ele estiver, pode atrapalhar alguma função vital (como nos olhos ou nariz).

De maneira geral são indolores, de cor vermelha azulada. Eles são sensíveis ao toque e podem sangrar, se tornarem feridas e por isso merecem atenção dos pais.

O médico angiologista, por meio de observação clínica, no próprio consultório, é capaz de confirmar o diagnóstico e se o tratamento a laser transdérmico é o mais indicado.

Quando o tratamento é precoce reduz o crescimento do tumor e, consequentemente, diminui as possibilidades de sequelas futuras.

 

________________________________________________________________________________________________

 

24 de junho 2019

Aumente os cuidados com a saúde vascular no inverno

 

                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                        Pessoas com problemas de circulação arterial e portadores de doenças reumáticas precisam mesmo se agasalhar em tempos de frio intenso.

Isso porque o organismo gasta muita energia para aquecer o corpo, especialmente as extremidades. Quando a pessoa já tem dificuldade de circulação sanguínea diagnosticada, significa que existe passagem de sangue dificultada por conta das placas de gordura, cálcio ou pelo próprio desgaste da parede do vaso. Isso naturalmente já faz com que chegue menos sangue para a manutenção das funções do corpo, incluindo a manutenção da temperatura. O frio contrai as artérias e dificulta a chegada de sangue arterial, principalmente nas extremidades.

Por isso, a dica da Angiolaser é: não subestime o frio, mesmo em um país tropical.

Pratique esporte ao ar livre agasalhado, até sentir o corpo aquecido.

  • Gerencie o estresse do dia a dia.

  • Faça uma alimentação equilibrada, rica em saladas, peixe e azeite extra virgem, evitando gorduras animais e frituras.

  • Faça um controle mais rigoroso das taxas de colesterol, triglicerídeos, glicose.

Para a sua saúde vascular:

  • Não fique sentado nem em pé por muito tempo. Uma hora na mesma posição você já deve fazer alguma alongamento leve com as pernas.

  • Use sapatos confortáveis.

  • Pessoas com problemas venosos e linfáticos, sempre que puder coloque os pés elevados, um pouco acima do coração.

Na consulta da Angiolaser faremos um levantamento de tendências familiares e uma avaliação que ajudará a você a se livrar dos riscos do inverno à saúde.

 

 

_______________________________________________________________________________________________

 

7 de junho 2019

Pintas de sangue pelo corpo? Saiba como resolver.

 

 Nevos rubi: o nome das pintas vermelhas espalhadas pelo corpo.

Pontinhos ou bolinhas de sangue podem aparecer ou aumentar em quantidade durante as fases da vida. Não provocam dor, nem coceira e o seu incômodo é puramente estético.

Trata-se de uma má formação benigna dos vasos que acontece graças a um crescimento anormal dos vasos sanguíneos.

Comuns em pessoas de pele clara, o nevos rubi é uma espécie de resposta do corpo a fatores como genética, hormônios (especialmente durante a gravidez), exposição solar, excesso de álcool ou má alimentação (mal funcionamento do fígado).

Você deve procurar um angiologista se elas aparecerem de forma súbita e em grande quantidade ou quando elas forem maiores que seis milímetros, crescerem ou mudarem de cor.

Na Angiolaser você consegue eliminá-las com o laser em um procedimento praticamente indolor com a ajuda de um jato de ar gelado. Se a ideia é ficar com o corpo sem pintas vermelhas para o verão, fazer o tratamento no inverno é uma boa pedida!

________________________________________________________________________________________________

 

20 de maio 2019

Quando se preocupar com o formigamento nas pernas

 

 

 

A dormência ou a sensação de formigamento nas pernas é um sintoma comum. Ele ocorre quando um nervo é pressionado ou falta sangue em alguma parte do corpo. Quando elas são momentâneas costumam estar relacionadas ao erro de postura.

Para eliminar as possibilidades de doenças graves como diabetes e hipertensão, que também tem a dormência e o formigamento como sintoma, é preciso procurar um cirurgião vascular ou o médico angiologista.

É preciso ficar atento aos sinais que o corpo dá. Por exemplo:

– Um lado do corpo formigando, pode ser sinal de AVC – Acidente Vascular Cerebral, resultado da falta de sangue no cérebro. Nesse caso, a pessoa deve ir imediatamente a emergência de um hospital.

– Dormência no braço esquerdo, acompanhado de outros sintomas como dor ou aperto no peito, na garanta, náuseas, sudorese, pode ser atenção para problemas cardiológicos.

– Dormência nos membros inferiores, diabetes ou doenças vasculares. É preciso procurar um cirurgião vascular ou médico angiologista para um diagnóstico preciso.

Existem outras doenças neurológicas que causam a sensação de formigamento. O mais importante é preciso conhecer o seu corpo e desconfiar quando algo está fora do padrão de normalidade. Agir rápido pode ser decisivo para a sua saúde e bem-estar.

 

 

___________________________________________________________________________________________

 

8 de maio 2019

O que é essa mancha azulada nos dedos, lábios ou mucosas?

 

Ficar por muitas horas sem mover as pernas atrapalha o retorno do sangue venoso para o coração e a redução da velocidade nesse retorno pode causar trombos dentro de veias profundas.

Quem tem predisposição à trombose e estão em voo com mais de quatro horas de duração deve tomar certos cuidados como:

– Escolher roupas confortáveis, largas, que não provoquem compressão.
– Usar meias elásticas recomendadas pelo médico angiologista ou cirurgião vascular.

– Tomar bastante líquido que além de hidratar vai estimular a pessoa a levantar e caminhar até o banheiro.

– Não ingerir bebida alcóolica.

– Evitar ficar mais de duas horas parados na mesma posição.

Existem exercícios que podem ser feitos no próprio assento da aeronave como:

– Girar os tornozelos – levante os pés e desenhe círculos no ar com os dedos apontando para cima por 30 segundos.
– Alongue-se – Erga o joelho até o peito e segure com as mãos por 15 segundos. Repita o exercício.
– Trabalhe a panturrilha – com o calcanhar preso ao chão, erga os dedos do pé e aponte-os para o alto, no seu limite. Por 30 segundos e repita o exercício.

Se você tem disposição para trombose, o melhor a fazer é consultar o angiologista ou cirurgião vascular antes de uma viagem longa. Agende sua consulta na Angiolaser e boa viagem!

 

________________________________________________________________________________________

 

24 de abril 2019

Trombose em viagens de avião

 

Descubra como evitá-la na sua próxima viagem de avião.

 

 

Ficar por muitas horas sem mover as pernas atrapalha o retorno do sangue venoso para o coração e a redução da velocidade nesse retorno pode causar trombos dentro de veias profundas.

Quem tem predisposição à trombose e estão em voo com mais de quatro horas de duração deve tomar certos cuidados como:

– Escolher roupas confortáveis, largas, que não provoquem compressão.
– Usar meias elásticas recomendadas pelo médico angiologista ou cirurgião vascular.

– Tomar bastante líquido que além de hidratar vai estimular a pessoa a levantar e caminhar até o banheiro.

– Não ingerir bebida alcóolica.

– Evitar ficar mais de duas horas parados na mesma posição.

Existem exercícios que podem ser feitos no próprio assento da aeronave como:

– Girar os tornozelos – levante os pés e desenhe círculos no ar com os dedos apontando para cima por 30 segundos.
– Alongue-se – Erga o joelho até o peito e segure com as mãos por 15 segundos. Repita o exercício.
– Trabalhe a panturrilha – com o calcanhar preso ao chão, erga os dedos do pé e aponte-os para o alto, no seu limite. Por 30 segundos e repita o exercício.

Se você tem disposição para trombose, o melhor a fazer é consultar o angiologista ou cirurgião vascular antes de uma viagem longa. Agende sua consulta na Angiolaser e boa viagem!

 

 

________________________________________________________________________________________

 

8 de abril 2019

Conheça o linfedema, uma das causas de inchaços de braços, mãos, pernas e pés

 

Linfedema ocorre por má formação congênita ou em decorrência de doenças como o câncer,    por exemplo.

 

Para cuidar bem da sua saúde, é preciso estar atento aos sinais que podem indicar que algo não está funcionando muito bemo seu corpo. Existem várias causas para inchaços e uma delas é o linfedema. Um problema que atinge tantas pessoas e muito pouco comentado.

O linfedema é o acúmulo de líquidos e proteínas entre os vasos e os tecidos dos membros inferiores ou superiores. Os vasos linfáticos simplesmente deixam de drenar normalmente esse fluído causando aumento de volume da região afetada e o aspecto de inchaço.

O mais comum é que o inchaço nos membros superiores ocorram durante o pós operatório, como na cirurgia para o câncer de mama. Já nos membros inferiores o linfedema está mais associado a erisipela ou com infecções de repetição. Em quadros graves, o pode haver endurecimento e escurecimento da pele, fibrose do tecido, incapacidade funcional do membro afetado.

Para diagnosticar o tipo de inchaço é preciso da avaliação do médico angiologista ou cirurgião vascular. O linfedema não tem cura, mas deve ser controlado por meio de drenagem linfática, exercícios que estimulem a drenagem linfática, meias de compressão e cuidados com a pele.

Agende sua consulta na Angiolaser e descarte os riscos de uma doença vascular grave. Aguardamos a sua visita!

 

 

________________________________________________________________________________________

 

25 de março 2019

Dores no pé e panturrilha? Descarte a Doença Arterial Obstrutiva Periférica

 

Você sente dificuldade para caminhar associada à dor no pé e panturrilha, que erradia para coxa e glúteo? Esta dor cessa depois de alguns minutos de repouso? Pode ser que você sofra com a Doença Arterial Obstrutiva Periférica. Normalmente, esta doença ocorre devido ao estreitamento ou obstrução dos vasos sanguíneos arteriais, responsáveis por levar o sangue para nutrir as extremidades do corpo, como braços e pernas.

Sintomas

De acordo com a SBACV-SP (Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular – São Paulo), a Doença Arterial Obstrutiva Periférica apresenta uma prevalência de 10 a 25% na população acima de 55 anos e aumenta conforme o avançar da idade. Aproximadamente 70 a 80% dos pacientes acometidos não apresentam qualquer queixa ligada a doença.

Esta ausência de sintomas evidentes retarda e até mesmo dificulta o diagnóstico precoce da doença, que é considerado um ponto fundamental para o início do tratamento e para a evolução do paciente.

Causas da Doença Arterial Obstrutiva Periférica

A causa mais comum é a Aterosclerose, um acúmulo de placas de gordura, proteínas, cálcio e células da inflamação na parede dos vasos sanguíneos. Mas outros fatores de risco também podem aumentar a chance de desenvolvimento da condição, tais como:

  • Tabagismo

  • Diabetes

  • Obesidade

  • Hipertensão

  • Colesterol alto

  • Histórico familiar

  • Colesterol elevado

  • Doença Arterial Coronária

  • Doença renal que envolve hemodiálise

  • Sedentarismo

  • Avanço da idade

Se você anda sentindo dores na perna aparentemente sem razão, agende sua consulta na Angiolaser e conte com um especialista para garantir a sua saúde e qualidade de vida.

 

________________________________________________________________________________________________

 

11 de março 2019

O tratamento mais adequado para varizes

 

 

Antes de definir o melhor método de tratamento para as varizes, o paciente deve passar por uma minuciosa avaliação.

Em alguns casos, o Ultrassom Doppler venoso dos membros inferiores, pode ser um exame complementar solicitado para estudar melhor as veias profundas, veias safenas e veias perfurantes que devem ser tratadas.

Somente após essa etapa é definido qual o grau da doença e, junto com as condições clínicas do paciente, o angiologista ou cirurgião vascular decidirá o melhor método ou combinação de técnicas para tratar as varizes.

Tratamento Clínico

Uso de meias elásticas adequadas e/ou medicamentos venotônicos, responsáveis pelo alívio dos sintomas causados pelas varizes são indicações para as situações em que a cirurgia ou a escleroterapia não é a opção mais viável, como é o caso de pacientes idosos. O tratamento clínico também tem a finalidade de reduzir os sintomas e evitar a progressão das varizes.

Laser ou Radiofrequência

O tratamento que utiliza o Laser e a Radiofrequência é indicado principalmente para as veias safenas e perfurantes. Comparando-se às técnicas convencionais, o Laser e a Radiofrequência são considerados métodos seguros e poucos invasivos, já que não utilizam cortes nem incisões, geram menos hematomas e dor no pós-operatório, além de proporcionarem uma recuperação com menor período de repouso. Neste caso, a fibra do laser ou o cateter usado na radiofrequência são introduzidos na veia deficiente e o próprio calor promove o seu fechamento, dispensando o processo cirúrgico.

Escleroterapia com Espuma

Tratamento para as varizes que se popularizou nos últimos anos, costuma ser indicado somente em casos específicos, ou seja, para pacientes que apresentam alto risco para a cirurgia, em fases avançadas da doença, com úlceras venosas ou que possuem uma preocupação estética pequena. Em algumas situações, a substância esclerosante (polidocanol) em forma de espuma densa, é indicada como ferramenta complementar de outros métodos. Na escleroterapia ela atua destruindo o endotélio das veias doentes, promovendo uma trombose química localizada e o consequente fechamento da veia.

 

 

________________________________________________________________________________________________

 

19 de fevereiro 2019

Atleta de final de semana e sedentários: os riscos para cada grupo.

 

Tão vital quanto se alimentar, dormir e namorar é se exercitar.

Se você é um “atleta de fim de semana” sua saúde pode estar em risco. Quem não tem tempo para fazer exercícios físicos durante a semana e tenta “correr atrás do prejuízo” nas horas vagas corre mais risco de desenvolver arritmia cardíaca e têm até 8 vezes mais chances de ter um infarto em comparação com aqueles que fazem do exercício físico uma rotina.

Quando praticamos atividades apenas uma ou duas vezes por semana, como jogar futebol ou correr, o coração não está pronto para aguentar a carga extra.

Mas os perigos são ainda maiores para quem nunca se exercita. Estudo publicado por uma revista científica sugere que, em comparação com adultos sedentários, atletas de fim de semana que realizaram a quantidade recomendada de atividade física em uma ou duas sessões por semana tinham um risco 30% menor de morte por todas as causas, 40% menor de doenças cardiovasculares e 18% menor de morte por câncer. *

Lembre-se que para a prática de qualquer atividade física de forma segura, é preciso passar por uma avaliação médica. Só um especialista poderá orientar sobre o seu estado de saúde e a atividade e carga recomendadas.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde, é sugerido que adultos façam pelo menos 150 minutos por semana de atividade aeróbica de intensidade moderada. Além disso, também é recomendando praticar exercícios de musculação no mínimo duas vezes por semana.

Distribua as atividades ao longo da semana. Você pode fazer 30 minutos de atividade moderada cinco vezes por semana.

 

*Fonte: https://www.pfizer.com.br/noticias/Atleta-de-fim-de-semana

________________________________________________________________________________________________

 

14 de fevereiro de 2019

Tratar um mioma sem cirurgia? Sim, é possível.

 

 

Em muitos casos é possível preservar o útero com a técnica da embolização, uma alternativa para o tratamento do mioma uterino.

 

O mioma é um tumor benigno, com desenvolvimento lento na musculatura do útero e com incidência em um grande número de mulheres na idade fértil.

Na maioria dos casos ele não apresenta sintomas e só deve mesmo ser encarado como um problema quando acompanhado de aumento do fluxo menstrual, cólicas ou dores abdominais, vontade de urinar mais vezes ou incontinência urinária, dificuldades para engravidar, dores durante a relação sexual e aumento do volume abdominal.

A boa notícia é que muitos casos é possível preservar o útero com a técnica da embolização, uma alternativa para o tratamento do mioma uterino. O procedimento não precisa ser realizado em ambiente de centro cirúrgico e é realizado sob sedação controlada. São injetadas pela virilha partículas que vão ser levadas até o útero, especificamente até as artérias que nutrem o mioma. Elas deixam de alimentar o tumor uterino e os sintomas regridem.

O procedimento é menos agressivo e proporciona uma recuperação mais rápida.

Os resultados da embolização são realmente animadores e o primeiro passo é consultar o ginecologista e conversar sobre o caso. O especialista vai levantar o histórico da paciente, fazer exames de toque e, provavelmente, solicitar exames de imagem como o ultrassom ou ressonância magnética para complementar o diagnóstico e definir o tratamento.

Lembre-se: o tratamento do mioma uterino não é o mesmo para todas as mulheres. Converse primeiro com o ginecologista e conte com o conhecimento e infraestrutura da Angiolaser para o tratamento por meio da embolização.

 

Marque sua consulta por telefone ou WhatsApp.